EFEITO DAS BOLSAS NA SILHUETA

Assim: cores claras e coloridas sempre chamam mais atenção (ou chamam atenção primeiro) do que cores escuras e mais neutras. Essa atenção pode fazer parecer maior ou menor (tudo ilusão de ótica!). Então, as bolsas participam lado a lado – literalmente – da “coordenação manipulativa” de cores que a gente faz pra um look, querendo chamar mais atenção pra certos pontos ou querendo disfarçar outros.

Repara nas fotos: quando a bolsa tem tom parecido com alguma coisa que a gente veste, esses dois elementos tem a ver, tão “conversando”. Daí na primeira foto, quando a Thaís (cliente-modela!) segura a bolsa nos ombros, a parte de cima dela parece um blocão destacado da parte de baixo – e quando ela segura no antebraço a bolsa faz com que o tom da blusa “se alongue” até a altura do short… e tudo parece mais longilíneo!

E na segunda sequência dá pra perceber isso daí ainda mais: especialmente se a gente usa partes de cima e de baixo contrastantes, a bolsa pode colaborar pra um falso-monocromático! Quando a Thaís põe a bolsa no ombro, a parte branca grita. Quando ela segura na mão, o azul da blusa e o marrom da bolsa “conversam” (haha!) e olha só!, o look parece beeeem menos cortado no meio!

Cálculo fashion dos bons esse, hein? A gente tem exercitado com a gente mesma e também com as nossas clientes de consultoria há algum tempo – exercita também e conta se rolou! :)

+ CONSULTORIA DE ESTILO PRA COLOCAR ESSAS IDÉIAS EM PRÁTICA
+ MAIS DESSES FACILITADORES DE VIDA TODA SEMANA VIA EMAIL
+ MAIS SOLUÇÕES DE SILHUETA AQUI NO BLOG
+ FORMAÇÃO PRA QUEM QUER TRABALHAR COMO PERSONAL STYLIST

Oficina de Estilo no seu email
IDÉIAS PRÁTICAS PRA FACILITAR O VESTIR!
  • e comprar menos e melhor
  • e se arrumar em menos tempo
  • e se sentir linda e autêntica com o que tem no guarda-roupa
  • e exercitar criatividade e se sentir empoderada <3