ROUPA PRA "UM DIA"

“when you aren’t trying to be somebody,
who are you?
when you aren’t trying to be somewhere,
where are you?
when you aren’t  trying to be,
are you?”
(gangaji via @daniellazylbersztajn)

A gente se acostuma (não devia) a carregar com a gente umas condições tipo: “quando eu emagrecer esses 8 quilos vai tudo ser mais fácil”, ou “quando eu descolar um namorado aí sim tudo vai funcionar”, ou ainda “quando eu terminar de pagar o financiamento da minha casa aí sim vou cuidar de mim”.

No trabalho como consultoras de estilo a gente aprende, ano após ano, que é quase fantasiosa essa coisa de ter um “antes” e um “depois”. Não tem um ‘antes ruim’ e um ‘depois bom’ — especialmente em relação à nossa própria aparência. A gente é inteligente de verdade quando faz o melhor que pode com o que é possível NO AGORA, pra ter um antes bacana e um depois muuuito mais bacana: mesma pessoa, mesma vida, mas aperfeiçoadas, melhores a cada nova experiência.

como se sentir linda AGORA: por que a vida real não tem "antes e depois"!

O próprio trabalho mostra pra gente como faz sentido se desprender de condicionamentos pra criar, a partir do momento presente, o futuro que se quer. Com atenção, intenção e energia — e ó, temos visto tanta gente brilhar assim, indo atrás do que quer sentir (ao escolher roupas) e fazendo acontecer, vivendo bem com imperfeições e baixando expectativas pro nível humano.

Ninguém tá pronta nunca, então que o processo seja divertido, oras!

Assim fica fácil encontrar sentido na idéia de só ter/comprar roupas muito legais — e usar todas elas, todos os dias da vida. O que a gente tem de mais incrível é o que tem que acompanhar a gente todo dia: não tem essa de “isso é pra uma ocasião especial” ou “vou usar pouco pra não estragar” — A VIDA TÁ ACONTECENDO, gente, e não tem rascunho pra depois passar a limpo. É agora e pronto: todo dia é especial e a gente merece, não merece? O melhor que a gente pode usar, todos os dias, não é “gastar” ou “usar errado”… é fazer valer o gasto.

E a gente acha que poucas resoluções na vida podem ter impacto tão profundo quanto essa de aproveitar ao máximo o que se tem — e se mimar, se curtir, se aceitar e se permitir. <3

+essas idéias vieram desse nosso vídeo antiguinho
+criatividade é antídoto pro consumismo
+comprar deveria ser consequência de ser

+ COMO CONSTRUIR UM GUARDA-ROUPA INTELIGENTE
+ QUER TRABALHAR COMO PERSONAL STYLIST?

Oficina de Estilo no seu email
IDÉIAS PRÁTICAS PRA FACILITAR O VESTIR!
  • e comprar menos e melhor
  • e se arrumar em menos tempo
  • e se sentir linda e autêntica com o que tem no guarda-roupa
  • e exercitar criatividade e se sentir empoderada <3