CAMPANHA POR MAIS ÓCULOS

Se a gente pensar bem, ócúlos de sol não são acessórios só de calor - são acessórios de todo dia que tenha alguma claridade. Acompanham a gente o ano todo, sem ligar pra temperatura, pra ocasião ou mesmo pro humor de quem usa. Então, se a gente tem um monte de brincos, um monte de colares, fica de olho em lenços pra abastecer o armário... porque a gente (quase sempre) só tem um ou dois óculos incríveis de cada vez? E porque eles têm (quase seeempre!) armações neutras e escuras? Porque a gente não varia tanto quanto faz com os outros acessórios que usa?

Escolher óculos não é tarefa super simples, mesmo sendo muito gostosa: a gente leva em consideração tamanhos (de cabeça, de estatura do corpo todo, de cabelón até!), formatos mais arredondados ou mais angulares (de rosto, de traços, de feições), cores mais claras ou mais escuras (de pele ,de olhos e de cabelos), personalidade mais forte, mais delicada, mais criativa, mais elegante - e todas essas características a gente tenta relacionar ou confrontar com as características das armações e lentes dos óculos que escolhe. Uma vez que a gente tem esses 'um ou dois' modelos pra toda hora, com que a gente se sinta bem pra tudo, é bem possível se permitir um pouquinho mais de diversão, não?

Óculos são acessórios usados no rosto, e rosto é sempre o ponto focal mais importante de todo e qualquer look. Então a gente pode aproveitar essa 'atenção pro que interessa' usando cores, formas, detalhes e materiais menos óbvios, mais originais, que acrescentem ainda mais personalidade ao que a gente usa - especialmente porque esses acessórios ocupam espaço tão pequenino no visual todo! Vale escolher cores coloridas (e o verão 2011 é a hora!), cores neutras inusitadas (que não sejam preto e marrom), materiais diferentões (viram os óculos de madeira da Chilli Beans?) formatos atuais - alô gatinho! - e detalhes com metais e com vazados e com brilhos e mais!