dicionário de dresscodes da oficina de estilo

Todo mundo sempre tem dúvida do que é apropriado ou não na hora de se vestir pra festas e eventitos, né? E os dresscodes que vêm nos convites parecem confundir mais do que explicar. Então a gente resolveu pensar nas direções do que é mais usual e menos usual em tipo diferentes de festchinhas. Tudo que tem aí embaixo tem que vir depois da preocupação com o seu tipo físico e com o seu estilo pessoal. Vale também considerar se o convite é pra evento de dia ou de noite, onde vai ser e quam vai estar lá pra te ver (e te elogiar, a gente espera!). Vê se serve de referência pra você e ajuda nos comentários se tiver dicas pra complementar essas infos! =) ESPORTE vale pra almoços e coisinhas de dia, lançamentos, exposições, batizados, festchinhas informais

eshporte.jpg

Os tecidos podem ser mais informais tipo algodões, lãs, crepes e couro. Os acessórios são mais calmos, sem mointo brilho, as bolsas podem ser maiores (mas arrumadinhas), e os sapatos podem ser os de dia-a-dia mesmo, super bem cuidados - sapatilhas, escarpins confortáveis, sandálias bacanas, em couro ou materiais alternativos, tipo tecido, palha, etc etc etc. Pode usar com meia opaca colorida ou com texturas! Tem que ter alguma maquiagem, mas não precisa ser muita. A gente escolheria vestidos leves coordenados com cardigans, calças tipo alfaiataria ou saias em A com blusas bacanas, com decote legal e formas interessantes. Agora vale macacão e macaquinho (decente!), e dependendo vale até shortinho tipo alfaiataria. Né?

PASSEIO (mesma coisa que “tenue de ville”) almoços mais importantes, eventos profissionais bacanas, vernissages, coquetéis, teatro, festchinhas arrumadas à noite

passeio.jpg

Aqui a coisa ainda é informal, mas menos informal que no "dresscode" anterior. Então vale usar sapatos mais delicados (plataforma é informal, então pra caber aqui tem que ser super delicada, super não tão alta), com saltos mais altinhos e mais refinados - em couro e texturas de animais, tipo croco, lazard, tilápia e tals. A meia opaca ainda tá valendo. Os materias também continuam os mesmos - acrescenta uma sedinha - e os acessórios podem ser mais elegantes, tipo joínhas. As bolsas diminuem e podem ser médias - ou carteiras grandes! O make pode escurecer um pouquinho (é noite, gentchy!), mas ainda ser discretinha. Vale vestido na altura do joelho, vale calça mais sequinha e blusa em seda, com alguma transparência, vale saia e top com brilho. Tudo com uma terceira peça pra ficar mais formal, tipo um cardigan, um super lenço ou um paletozinho.

PASSEIO COMPLETO (tipo “social” e afins - é arrumado) casamentos, jantares power, óperas, entrega de prêmios, super comemorações do trabalho, tipo isso

passeio_compleeeto.jpg

Aqui a coisa é formal, amigas. Os materiais são mais refinados: sedas, tafetás, georgettes, xantungues, cetins e tals. Vale também aplicações de brilhos e pedras e rendas discretas. Nos pezinhos as sandálias têm tiras finas e saltos idem, os escarpins têm frente alongada e tudo é feito em material elegante - tipo verniz, metalizados e forrados em tecido fino (não vale couro!). Pra essas ocasiões meia opaca fica informal demais, a gente prefere as meias finas nesse dresscode (pra não arriscar), e vale preta, cinza chumbo ou mesmo cor da pele (um tonzinho abaixo do tom da pele mesmo fica bem elegante). As bolsinhas são míni, em metal, acrílico, couro de animal ou outro material-de-feshta. Pode usar jóia-jóia ou acessório bem rico, bem sofisticado. E pra se proteger do frio vale usar cardigan liso e bem fininho, mantinha fina de cashmere ou casacos 7/8 elegantes. Vestidos na altura dos joelhos são sempre nosso primeiro pensamento, ou saias e blusas leves, bem chiques. Make e cabelo merecem atenção especial, néam?!??

BLACK TIE (ou “tenue de soirée”) festas mointo glamurosas, tipo a entrega dos Oscars

black_tie.jpg

Relaxa que esse é o dresscode mais fácil de fazer e o mais difícil de aparecer (de verdade) num convite. Só mega festonas exigem isso aqui: vestido longo (não é obrigatório, mas...), sapatos forrados em tecido ou metalizados, com pedras e brilhos, micromicro bolsinhas em tecido ou metal, jóias de verdade (ou bijus mointo finas), cabelón e make especiais. Vale saia longa com tops bem sofisticados ou tricôs finíssimos, bordados, preciosos. Vale vestidón inteiro lustroso ou em renda, com transparências discretas e mointo tecido na saia (adouro). No frio pode coordenar o vestido com estolas finas em pashmina, cardigans super refinados (em sedinha é bom) e até casaquinhos e estolas de pele (sem polêmica, gente, tem pele sintética aos montes por aí). Os "coordenados" - estolas e casaquinhos, sapatos e bolsas - não precisam ser super combinandinhos, tipo iguais, mas têm que acompanhar com harmonia.

Mais de dresscodes, ó: Preparando o look pra festonas Acessórios pra cabeça são tudo Cocktail dresses: alternativas pros longos Idéias pra festonas Nem demais, nem de menos: teste dos 10 pontos