INTELIGÊNCIA EM CORES

Um monte de gente é assim - e quem não é conhece alguém que é: sabe a pessoa que ama uma blusa, daí compra todas as cores em que a blusa foi feita? Achando que tá variando e diversificando o guarda-roupa, né? Que nada. Sempre acontece de uma dessas cores ser mais usada que outras. E essas outras, as que não rolam, são as representantes do dinheiro mal gasto. Viram símbolo da não-inteligência em cores. Não adianta comprar tudo que foi feito/disponibilizado pela loja. Adianta comprar tudo que tem a ver com a gente. coloridonas

Então vale sair de casa (pra comprar) com três "auto-perguntas pra si mesma" em mente! Na hora de escolher que cores levar a gente pode se perguntar:

1) Essa cor me deixa linda, é ótima pra minha pele? 2) Essa cor é "coordenável" com o que eu já tenho no armário? 3) Essa cor tem a ver com o meu estilo e com a minha personalidade?

Porque né, não adianta comprar bege se bege te deixa horrorosa; não adianta levar mais um rosa se o seu guarda-roupa já é super colorido e tá pedindo um neutro; adianta muito menos comprar rosinha bebê se você tem personalidade suepr forte, mandona (rá!). Checklist pra próxima saída 'mal intencionada'! E esse é mais um post que esse outro post rendeu pra gente!