LIÇÕES DE PROFISSÃO COM DENISE DAHDAH

A partir de hoje a gente vai postar aqui no blog uma série de entrevistinhas. Amigos de várias áreas do "mundo da moda" falaram sobre seus trabalhos - tipo moda na prática, no dia-a-dia. Todo mundo respondeu as mesmas perguntas: como começou, quando começou a ganhar dinheiro, que conselhos tem pra dar etc etc etc. Muito legal ver como os pontos de vista são diferentes de "setor" pra "setor" (haha!). A gente vai ler aqui, então, as respostas de profissionais de assessoria de imprensa, de internet, de styling, de site, de produção, de fotografia, de marketing e de estilismo (ufa!). E se o interesse for crescendo a gente vai perguntando pra mais gente!!! Nossa primeira colaboradora é a Denise Dahdah, editora de moda da revista Quem e dona do blog Estilo Quem, no site da editora Globo. A revista da Denise é semanal e ainda assim ela tem idéias lindas sobrando, a gente fica impressionada. Olha quanta opinião sincera - e que trajetória mais legal!

denise480

COMO COMEÇOU? Eu sempre gostei de moda. Minha avó fazia roupinhas pra minha Barbie sob a minha supervisão. Fiz vestibular para estilismo e não passei. Quase morri. Aí fiz jornalismo e comecei a me envolver com o mundo da moda. Fiz um fanzine sobre a primeira edição do Mercado Mundo Mix em BH. Fui estudando moda, fiz cursos livres de estilismo, de desenho, de cinema. Logo depois que me formei fui fazer um mestrado em Londres e a minha tese foi a Moda Brasileira e a Imprensa de moda no Brasil. Fui morar na Argentina e lá trabalhei um tempo como personal stylist, fiz curso de Marketing de Moda e História da Arte. Aí quando voltei ao Brasil comecei a frilar para várias revistas de moda e femininas até que me ofereceram uma vaga fixa de reporter de moda e beleza na revista Ana Maria da editora Abril. Fiquei lá um ano e fui convidada para assumir a moda da Quem. E aqui estou eu, já há três anos!

O QUE ESTUDOU E O QUE ACHA MAIS IMPORTANTE ESTUDAR? Já respondi ai em cima. Acho importante estudar moda sim, mas acho restrito. Acho legal estudar jornalismo, comunicação porque afinal de contas moda é uma maneira da gente se comunicar e o tempo inteiro a gente (profissionais da moda) estão comunicando coisas as pessoas. Acho legal também ter uma base de cinema, musica, artes, história, porque tudo isso está intimamente ligado com moda, né?

QUANTO TEMPO LEVOU PRA 'DAR CERTO' (FINANCEIRAMENTE)? Dar certo pra mim é poder me sustentar sozinha, então isso já vinha desde quando eu morei em Londres, trabalhei em um site escrevendo sobre saúde... mas com moda mesmo,  desde que me tornei editora aqui na Quem. Faz 3 anos.

O QUE MAIS AMA NO TRABALHO COM MODA? Amo criar imagens lindas nos editoriais e amo a parte mais didática, de passar conhecimento de moda (de uma maneira legal, que não seja careta nem chata nem metida), o que acontece nas matérias e no blog

O QUE MENOS CURTE NO TRABALHO COM MODA? Lidar com egos, com gente truqueira e grossa. Mas acho que isso tem em toda profissão... não é privilégio da moda né?

QUE APRENDIZADO PODE DIVIDIR, EM FORMA DE CONSELHO, COM QUEM QUER SE AVENTURAR PELO MUNDO PROFISSIONAL DA MODA? Humildade. Quando eu fui trabalhar na revista Ana Maria muita gente torceu o nariz, por ser uma revista popular, "sem glamour". Eu amei trabalhar lá, aprendi MUITO e foi muito por causa desse meu trabalho (claro que o currículo também contou) que eu fui convidada para assumir a Quem. Ou seja, se não tivesse existido Ana Maria provavelmente não haveria Quem na minha vida. Se eu tivesse sido metida e não tivesse aceitado, talvez não tivesse me tornado nem repórter até hoje...

Obrigada queridíssima Denise! Já já tem essa mesma entrevista feita com a Lelê Toniazzo, stylist também super querida por essa Oficina. ;-)