LOOK PRA VIRADA DO ANO

A gente aqui na Oficina trabalha a consultoria de estilo a partir de sensações (da vida!), pra escolher roupas que ajudem a gente a ter essas sensações. A gente quer se sentir confortável? Quer se sentir bem-sucedida? Quer se sentir aconchegada, feminina, descolada? Quer se sentir jovial, inteligente, impactante? Quer se sentir criativa, quer se sentir leve, quer se sentir adequada, alegre?

Em intimidade com a gente mesma <3 com essas sensações mapeadas, aí sim a gente parte pra escolher o que vestir. E vai experimentando até chegar na frente do espelho se sentindo exatamente como se quer. Vale pra todo dia, pro look do trabalho, pro fim de semana... e vale demais pra looks de ocasiões especiais! Imagina que look de revéillon pode honrar o que a gente viveu de mais legal no ano que acaba (de repente até pode servir pra gente se despedir do que não quer levar pro ano novo!), e também pode carregar em si as sensações que se quer viver no ano que chega.

As idéias que a gente mais exercitou com nossas clientes nesse fim de ano tão aqui embaixo e ó, todas tão boas de se apropriar/personalizar pra descolar looks bons no próprio armário. Mas né, a melhor direção pra escolher esse look nasce DENTRO, antes mesmo de direcionar pra escolha de roupas: o que você quer sentir nesse 2017? <3

tumblr_lnvvhqp3gR1qc1tqoo1_1280

GLAMOUR COM CONFORTO: BRILHO INFORMAL

Se o brilho dá idéia de "arrumadinha demais", legal é coordenar opostos: pensa em paétes nas peças de modelagem mais larguinha e confortável -- alô batas, modelagem saruel, quimonos soltos! Vale também pensar em criar monocromáticos com peças metalizadas e outras opacas, tipo prata com jeans clarinhos, douradão com peças em malha creme/off-white, metalizado-rosado (tipo cobre!) com algodão em nude.

ACESSÓRIOS EM METAL PRA ACRESCENTAR FORÇA

Pensa que metal é o material das tachinhas das jaquetas mais roqueiras que existem, das correntes mais pesadas... o elemento metálico deixa qualquer look de menininha com mais cara de mulher do que de princesa, sabe como? Legal é pensar em quanto de força e quanto de doçura se quer sentir e então coordenar todo metal com sedinhas, saias femininas, formas delicadas e mais.

SANDÁLIAS E SAPATOS ATUALIZADORES

A gente achou que 2016 foi o ano do conforto pros pés: teve tanto mocassim, tanta mule, tanta flatform (essas plataformas mais retonas, grandes desde a parte da frente até o calcanhar), tanto tênis branco nénão? Vale procurar equilíbrio entre peso e leveza, entre herança do guarda-roupa masculino com elementos ultra-femininos, entre o que é mais inormal com outras coisas bem elegantonas. :)

FORMAS, TEXTURAS E PROPORÇÕES

O look já é todo branco (ou todo clarinho), bom então é pensar em coordenar tudo branco com mangas interessantes, com alguma transparência, em materiais/texturas diferentes, com recortes estratégicos, com saias que tenham volume, com shorts de preguinhas e saias drapeadas, com sobreposição de barras com alturas diferentes...! (E, se for o caso, ficar de olho pra escolher refinadamente as formas com que se quer complementar/harmonizar silhuetas, né?)

CABELO PRESO COMO ACESSÓRIO

Essa vale pra vida: se o look tá simples demais, se precisa incrementar ou acrescentar formalidade... dá-lhe cabelo preso! Junto com uma maquiagem bacana pode dar mais cara de festa do que o look em si, né?

+ LISTA DE FÓRMULAS BOAS DA OFICINA DE ESTILO
+ COMO CONSTRUIR UM GUARDA-ROUPA INTELIGENTE
+ QUER TRABALHAR COMO PERSONAL STYLIST?