MONOCROMÁTICOS COM CORES DIFERENTES

Já sabemos: looks monocromáticos são os mais emagrecedores e mais alongadores de silhueta a gente já sabe: coordenar peças em tons super semelhantes faz com que o corpo de quem usa pareça mais longilíneo, sem "partes separadas" (com cores diferentes em cima e embaixo) -- daí os efeitos de "mais magrinha" e "mais alta". Coordenações monocromáticas quase sempre também parecem mais elegantes, mesmo em produções informais – tipo, ótima escolha na hora de montar o figurino de fim de semana com shortinho de malha e camiseta!

Acontece que usar azul com azul ou cinza com cinza o tempo todo pode ficar careta – e pode render looks monótonos, sem esperteza ou informação de moda. Daria até pra gente dizer que tudo monocromático lembra visuais combinadinhos, tipo conjuntinho, sabe como? Legal é fazer um esforço-de-criatividade e pensar em jeitos originais de usar essa 'monocromia'. Se o interessante é não separar a silhueta em blocos diferentes e divididos, então usar tudo em tons claros ou tudo em tons escuros já funciona! No lugar de cores iguais, mesmos valores: azul claro e verdinho claro, roxão escuro e vermelhão escuro, bege e cinza, branco e bege, preto e marinho, marrom e cinza-chumbo... sabe como?

Vale experimentar a fórmula até com estampas! Tem como construir uma produção monocromática-estampada repetindo na peça lisa a cor que mais aparece na peça estampada. Imagina usar com uma estampa floral colorida um pouquinho de rosa, um pouquinho de vermelho e muito de roxo junto com um tricô todo roxo, no mesmo tom da estampa! Ou uma calça com fundo cinza listradinha de branco junto com uma camiseta cinza!

Monocromático, sim, mas nada, nada, desinteressante. ;-)

+ COMO CONSTRUIR UM GUARDA-ROUPA INTELIGENTE + COMO SE TORNAR UMA PERSONAL STYLIST