PERSONALIDADE PENDURADINHA

Em tempos de colarzão a gente quase que esquece como os colares fininhos, com pingentes pendurados, são muito legais. Foram esses colarzinhos que fizeram companhia pra um tanto de gente (ainda fazem!) na era pré-penduricalhos gigantes no pescoço, pra na sequência a gente aprender a coordenar vários colarzinhos juntos - lembram?!?? Então, se a gente perdeu o medo de coordenar muita coisa junta ou usar um acessoriozão em volta do pescoço, nada mais justo que os colarzinhos com pingentes evoluíssem também.

E olha, eles evoluiram - boa notícia pra quem quer entregar pistas de personalidade no look sem fazer esforço, só enfeitando! Pingentes são menos chamativos/mais discretos que colares grandões, e chamam atenção pra perto do rosto de um jeito discreto... mas nada sem-graça. Pequenos pontinhos pendurados em correntes podem dizer que a gente é divertida, que é feminina e sonhadora, que tem hobbies específicos, que curte plantas ou bichos, que tem bom-humor e mais. Pingente pode contar da história pessoal de quem usa e pode render conversas boas (ó que a festinha em que a gente não conhece tanta gente pode virar oportunidade pra ousar no pingente!).

Pingente pode ter cor, forma, tema, relação com arte ou com esportes, com comida, com lugares, etc etc etc - sem que a gente precise ter um pingo de preocupação com exageros-de-look: pensa que o visual da gente é do tamanho da ponta dos pés até o topete mais alto do nosso cabelo (no meu caso, por exemplo, meu visual tem 1,65m de área total, haha) - um pingente ocupa 3cm, 4cm, 5cm desse tamanho todo. É pequeno o espaço pra que a gente não tenha medo de experimentar, mas o efeito é certeiro e impactante!

**Extra: quem tem peitão pode localizar o pingente no colo, acima do volume do peito mesmo, viu. E quem quer mais pode clicar pra ler o post dos muitos colarzinhos usados juntos e também o da coordenação de colares, decotes e formatos de rosto, ou clicar pra lembrar do post em que a gente divide o nosso jeito de usar/coordenar colarzões. ;-)