SAIA DE MULHERZINHA

Saia é uma peça que sempre deixa a mulher mais feminina, mesmo, mas essas saias mais rodadinhas, com comprimento na altura do joelho são ainda mais femininas, bem de mulherzinha, sabe!?! Teve um monte nos desfiles internacionais e talvez a princípio a gente ache que não funcione tanto pras nós brasileiras que curtimos mostrar as pernocas e temos um verão de calorzão. Mas que são super românticas, ah isso são!

Ficam lindas com partes de cima mais sequinhas, usadas por dentro, com a cintura mais marcadinha - dão um ar de anos 50, não dão? E não teve época mais melherzinha do que essa, com o fim da guerra, a volta dos volumes e excesso de tecido, os saltinhos finos, os óculos gatinhos... uma coisa meio Sandra Dee.

Mas como os tempos são outros (haha) o legal é tirar desse look a cara de tão certinho e ainda assim manter a feminilidade: cores neutras mais claras (cinza, cáqui, bege), brilhos metalizados ou tecidos lustrosos, estampas geométricas, decotes assimétricos, caimento mais fluido... E como nada é perfeito, apesar desse comprimento de saia ser muito elegante e escoder os joelhos mais gordinhos, ele acaba encurtando um pouco a silhueta. Por isso sempre ficam melhores com sapatos com saltinhos (mesmo que pequenos), com a frente alongada ou com gáspea baixa!