tudo sobre bolsas (na silhueta e na imagem)

A gente sabe que bolsa não serve só pra carregar as nossas coisas, certo!?! Bolsa é o acessório que mais transmite personalidade por conta do mundo de variedade: pode ser pequena ou grande, molenga ou estruturada, lisa ou texturizada, feita em couro, tecido, metal... E no meio de tantas opções parece difícil escolher o modelo ideal, mas fica um pouco mais fácil se a gente pensar em algumas direções. victoria-beckham-marc-jacobs-ad-campaign-red-purse-golden-frog.jpg Victoria não é a única que AAAAAAAAMA bolsas!!! Umas das coisas que a gente tem que prestar atenção é na proporção entre o tamanho da bolsa e o nosso tamanho. Quem é mais alta ou tem a ossatura mais larga fica melhor com bolsas maiores e quem é pequena, com pulsos bem fininhos fica mais legal com bolsas menores. Isso não quer dizer que mulheres maiores só usam bolsonas e que as menores só usam bolsinhas. Tem bolsa-grande-que-cabe-tudo e bolsa-pequena-de-balada pra todo mundo!!! E na hora de escolher entre bolsas pequenas e grandes (e médias, claro!) a gente tem que lembrar da nossa rotina e do que a gente costuma carregar, porque não vale usar bolsa estufada - transmite imagem de pessoa desorganizada. Uma super solução pra que curte bolsas menores pro dia-a-dia (tipo a Fê) é usar duas bolsas: uma pequena ou média com pertences pessoais e uma sacola maior com material de trabalho. Que tal? bolsa2pqn.jpg quer usar bolsinha? tem que saber escolher o que levar! Outra direção pra levar em consideração é a forma da bolsa - mais arredondada, mais angular, combinação de linhas arredondadas e angulares - e a orientação pra essa escolha tem a ver com os nossos traços: meninas com olhos mais redondinhos, sobrancelhas mais arqueadas, boca mais cheinha e nariz mais bolinha fica bem melhor com bolsas mais arredondadas e meninas com nariz afilado, sobrancelhas retas, boca fina e olhos mais angulosos fica bem melhor com bolsas em formas mais angulares, mais quadradas. Tem direções que estão mais ligadas ao estilo do que à silhueta, tipo bolsa mais molenga ou bolsa mais estruturada. As mais molinhas, fofas são mais informais, mais femininas e transmitem mensagens de acessibilidade enquanto as mais duras passam uma imagem mais rígida, mais tradicional, mas também mais sofisticada, sabe!?! bolsa1pqn.jpg bolsas estruturadas não combinam com looks mais desencanados! Se a melhor bolsa pra gente é em cor neutra (preta, marrom, marinho, bege) ou super colorida (pink, azul, verdona, laranja) também tem mais a ver com a nossa personalidade e estilo de vida. Bolsas neutras são mais fáceis de coordenar, mas podem ficar sem-graça, já bolsas coloridas não combinam com tuuuuuudo, mas são bem mais divertidas e agregam interessância ao look. Coordenar cores vivas, principalmente em acessórios não é fácil pra todo mundo, né!?! Só tem que tomar cuidado pra não se vestir toda de preto e usar uma bolsa colorida: não tem nada mais previsível!!! bolsa3pqn.jpg bolsa em cor neutra tem que ter alguma "interessância" pra não ficar sem graça O material que a bolsa é feita também é uma direção pra se notar!!! Texturas agregam mais informação à peça e isso pode ser uma vantagem (ou uma desvantagem!). Tressê, croco, lezard, tecido, metalizado, verniz, camurça, com bordados, aplicações, plissados, dobraduras, drapeados... Tanta opção pode confundir mais ainda!!! Uma dica boa: se a bolsa é em cor neutra a textura pode ser mais "chamativa" e se a bolsa já é colorida melhor escolher uma textura mais "calma". Bolsas com alça longa de transpassar ou de carregar a tiracolo ficam melhores em quem tem quadril mais estreitinho e é o modelo perfeito pra quem quer conforto e braços livres pra se movimentar a vontade. E bolsas com alças curtas de carregar na mão ou nos ombros são boas pra quem tem quadril mais larguinho e deixam o look mais elegante. Faltou informação? Tem post ótimo que ajuda na escolha da primeira (ou segunda, terceira, milésima) power bolsa. Vai lá!!!