CONTRASTE NA COORDENAÇÃO DE CORES

O contraste que a gente tem nas nossas cores - de pele, de olhos e de cabelos - pode ser um super ajudador na hora de escolher e coordenar o que a gente vai vestir, e é uma delícia aprender pra usar como guia todo dia de manhã. Dá pra repetir o contraste pessoal que a gente tem nas roupas e acessórios que a gente usa, se a gente se conhece e se exercita em frente ao espelho. Ó que legal:

cris e fê com contrastes bons e ruins durante um super curso feito com a ilana tempos atrás -- em 2008!

cris e fê com contrastes bons e ruins durante um super curso feito com a ilana tempos atrás -- em 2008!

Se uma pessoa tem pele clarinha e cabelo super escuro, essa pessoa tem um alto contraste entre essas duas cores e pode fazer altos contrastes também na hora de coordenar as cores que vai usar (tipo com um top branco e um cardigan preto por cima). Se a pessoa tem a pele ainda clara mas o cabelo não tão escuro - ou se o cabelo é escuro mas a pele não é tão clara - o contraste dela cai um pouquinho e fica quase médio, o que pode ser repetido na coordenação de cores das roupas também (tipo camiseta caramelo e lenço marrom). Se pele e cabelos são claros, o contraste é bem baixo: essa pessoa vai ficar mais bonita se repetir esse baixo contraste também nas roupas e nos acessórios (tipo vestido lilás e jaquetinha creme).

a gente tem contrastes alto e quase alto (lá em cima). essas moças têm contrastes mais baixos -- as cores de pele e cabelo super se aproximam tão vendo?

a gente tem contrastes alto e quase alto (lá em cima). essas moças têm contrastes mais baixos -- as cores de pele e cabelo super se aproximam tão vendo?

Vale também pra peles negras: se a pele é escura e o cabelo escuro também, o contraste é baixo. Se a pele é negra e o cabelo é claro, então tem mais contraste. A gente super conta sorriso e olhos (mesmo a parte branca do olho!) na hora de 'quantificar' os contrastes: tipo pele clara e cabelo escuro sugere uma coordenação em que a maior parte da roupa seja mais clara e a menos seja mais escura - pra repetir nossas características de coloração. Se a pele é escura e de claro a gente conta o cabelo e os olhos e o sorriso, a maior parte da roupa pode ser escura e a menor parte mais clara. Fácil fácil, né?

com as colegas de curso deu pra fazer uma escala de peles e contrastes, tá vendo?!??

com as colegas de curso deu pra fazer uma escala de peles e contrastes, tá vendo?!??

A sensação é de que a roupa que a gente usa tá super mega integrada à aparência, "trabalhando" junto e deixando a gente mais bonita ainda. Tipo se uma pessoa com alto contraste e usa cores muito próxima, a sensação que se tem é que a coloração forte e viva dela não tá sendo valorizada. Por outro lado, se alguém com baixo contraste escolhe usar tons super contrastantes, parece que as cores da roupa chegam antes da pessoa em si, e ela não é valorizada do mesmo jeito. Sabe um truque pra saber se a gente é baixo ou alto contraste? Passar uma foto nossa no photoshop e fazer em preto e branco: os tons de preto, branco e cinza dizem na hora como a gente pode usar o contraste a favor das nossas coordenações!