LIÇÕES DE SUSIE BUBBLE

O NY Times fez (tempos atrás) um perfil da Susie Bubble, que faz há cinco anos o Style Bubble. No perfil várias pessoas importantonas da moda dão sua opinião sobre a Susie Bubble, sobre o blog e sobre o sucesso das postagens como trabalho (que ela enfatiza que não remunera razoavelmente, nem de longe). O que mais impressionou a gente aqui - pro bem! - foi a matéria ter chamado atenção pra um processo que a gente deixa passar batido, pelo qual todo mundo que curte moda passa e muitas vezes não dá o devido valor. Diz que a Susie Bubble "sabe que às vezes a maior diversão da moda está na procura das coisas, e não só na compra/posse das coisas".

susie.png

Isso não é demais? Não muda tudo? O garimpo, as experiências de provador, as imagens que a gente se permite construir em frente a um espelho pra só então pensar em ter determinadas peças - antes de levá-las pra casa! - é o que rende risadas, reflexão, avaliação, exercícios de criatividade, versatilidade e até imaginação! E isso tudo acontece ainda no provador, ou no caminho entre uma loja e outra... e não no caixa! Vale pra vida, né?

Mais lição valiosa do perfil da chinesinha/inglesinha: gente tipo Christopher Kane e Nanette Lepore faz uma lista de atributos que justificam o brilho do trabalho (!!!) da Susie Bubble - e esses atributos servem como lição pra vida mas também pra todo mundo que curte fazer blog. Eles dizem que é muito legal

  • conhecer, valorizar e apresentar novos estilistas, novas lojas, novos produtos - mesmo que eles não sejam conhecidos do grande público
  • ser divertida na abordagem mas ser realista na aplicação das idéias
  • ser sua própria modelo
  • ser inventiva e ao mesmo tempo humilde

A própria Susie diz, no final da matéria, que faz força pra o tempo todo lembrar que não é crítica de moda, e por isso se atém à sua própria opinião - e ela não é lei! E termina dizendo que o blog dela é lugar de dividir idéias e conhecimento, que as leitoras fazem da moda o que quiserem. Bom pra gente ter como exemplo, tanto na hora de fazer blog quanto na hora de ler outros!