MULHERES VESTIDAS DE MENINO

A gente tá ligada: a moda sempre sugere que o jeito mais legal de se usar peças masculinas é em coordenação com algum elemento muito feminino. Tipo calça de alfaiataria + terninho + um super salto; ou camisa masculina + mini-saia; oxford + vestidinhos -- e coisas do tipo. 

meupost.meninos.jpg

O que acontece, então, quando uma menina gosta de se vestir inteira de menino? Só com peças masculinas ou super neutras -- "não femininas" o suficiente?
Como a gente pode, ainda assim, carregar um pouquito de feminilidade, ter essa sensação, sem precisar de saltos extremamente altos ou decotões ou de quaisquer elementos obviamente relacionados a um feminino muito estereotipado, caricaturado?

Uma sacada pode ser: lembrar que, na vida real, não existe valor de personalidade ou de caráter que seja somente feminino ou somente masculino -- tudo é característica humana, e força e delicadeza podem aparecer em roupas "de homem" e "de mulher". A humanidade é sortida, o mundo (precisa ser) plural!

Então camisa de botão pode ser estampada com temas fofuchos (pra meninos e meninas), o terninho e o blazer podem ser coloridões (pra meninas e pra meninos), o sapato oxford pode ter solados e cadarços divertidos (adivinha? pra meninos e pra meninas!!!). Mesmo os tecidos das peças mais formais, mais "tradicionais", podem ser moles e leves, com brilhos, texturas e até transparências -- pra equilibrar mensagens e pra misturar esses universos culturalmente definidos como 'feminino' e 'masculino'.

Também é muito possível criar equilíbrio entre esses 'signos' com: jeitos de usar o cabelo, de usar maquiagem, de incrementar o look todo com acessórios. Tem como se sentir feminina (de tanto jeito!), mesmo gostando de ser um pouco menino também. 

Se vestir "misturado" é tão interessante quando povoar um mundo também misturado, sem precisar ser "só deles" ou "só delas". ;-)